Mensagens

A mostrar mensagens de Outubro, 2015

Para o meu melhor amigo...

Adoro-te. Moça. Queres sair? Anda. Fui ao ringue ver se estavas lá. Obrigado. Diz já para te ir dar um abraço. Podes contar comigo. Nunca me esqueci de ti sempre vales-te muito para mim e não me esqueço o quanto me apoias-te. Já nem falas, sua ranhosa. Sempre, fofa.
Como não sentir a tua falta? Como dizer que estou bem sem ti? Como é que lido com a tua ausência, sem poder dar-te na cabeça ou até mesmo ir comprar croissants contigo às 2h da manhã, sendo eu um indivíduo que não gosta de croissants mas que só come aqueles se estiverem quentes. Será o chocolate ou a tua companhia que eu gosto? Será o teu ombro esquerdo que eu gosto de me encostar ou o cap que mais me irrita e que tenho sempre de tirar? Houve uma noite que quisemos tomar banho nos regadores da relva, gastar água para molhar telemóveis. Houve uma tarde que preferimos ficar por caminhar, perder peso. Houve uma noite que decidimos ficar a ver as estrelas ao som das kizombadas de aldeia. Houve um dia que quiseste começar a fa…