#1

Não esperes por mim. Não esperes que te diga que sinto a tua falta e que te quero perto de mim. Não esperes que eu fique acordada durante a madrugada só à espera que me digas um olá, que te lembres de mim. Não esperes que eu te beije só porque a saudade bate forte. Não esperes que te diga que te amo só porque o sinto. Não esperes que eu olhe para trás e corra de volta para perto de ti só porque dói o facto de estares tão perto e o teu corpo estar tão longe do meu. Não esperes que eu te olhe nos olhos e te pergunte o que realmente sentes apenas porque é a pergunta que mais me questiono durante o dia. Não esperes que eu vá trazer comida e um cobertor só porque quero que fiques mais um bocadinho e que não vás logo. Não esperes que me passe contigo apenas porque sinto que não queres saber de mim. Não esperes que eu faça o que queres apenas porque sabes que também quero. Não esperes o meu abraço só porque não tens quem to dê. Não esperes uma noite só porque não pode ser de dia. Não esperes o amanhã só porque não podes hoje. Não esperes que eu fique à tua espera só porque sabes que eu fico. Não esperes o meu sorriso só porque me tiras um riso fácil. Não esperes um "olá" só porque me custa dizer "adeus". Não esperes que te toque só porque gosto da conjunção dos nossos corpos. Não esperes que mude por ti só porque te quero agradar. Não esperes que te ame só porque já o faço.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Saudade que invade..

#2